Como escolher bem os seus tapetes

Todo mundo sabe que um tapete deixa o ambiente muito mais aconchegante, mas não é só isso. O tapete complementa a decoração, delimita ambientes, protege o piso, aquece o ambiente e deixa tudo mais lindo, é claro. Mas, para isso é preciso escolher bem o tapete, porque uma medida errada pode comprometer todo o conjunto.

Também é preciso ter cuidado com o material, cor e estampas para que o tapete fique em harmonia com o restante dos itens que compõem a decoração. Por isso, listei algumas dicas que podem ajudar bastante na hora de escolher tapetes para sua casa:

1- Deixe para escolher o tapete por último. Assim, é possível analisar bem o projeto e não cometer excessos. Por exemplo, se o sofá for colorido ou estampado, prefira peças neutras e lisas, e vice-versa. Também não tem perigo de errar nas medidas depois que o sofá ou a cama já estiverem posicionados.

28.jpg

cd2c88_c6d8e1787490437680c3c4bd96e805f8

2 – Caso a ideia seja valorizar um tapete que é uma verdadeira obra de arte, o projeto pode começar a partir dele.

7182502_UHNY0

3 – Se for colocar mais de um tapete no mesmo ambiente fique atento. Se uma das opções for estampada, invista em outras mais discretas.

611.jpg

4 – As peças devem seguir a mesma gama de tons do restante da decoração.

cd2c88_69b95fd8d5b84c6faee5f29dcf1b9af1

5 – Tapetes peludos são apostas aconchegantes interessantes para salas mais reservadas, home theaters e dormitórios, pois são mais difíceis de limpar.

tapete-peludo-sala-quarto-branco-com-bege-claro-200x120m-807411-MLB20569694454_012016-F.jpg

6 – Tapetes de fibras sintéticas são os mais resistentes e os mais indicados para quem pessoas alérgicas.

tapete7.jpg

7 – A melhor opção para casas com crianças e animais de estimação é um tapete mais escuro, que disfarça melhor possíveis sujeiras. Nesse caso, a decoração do resto do ambiente deve priorizar tons claros.

21618-sala-de-estar-apartamento-em-santo-antonio-belo-horizonte-casa-aberta-viva-decora.jpg

8 – Na sala de TV ou de estar, o tapete deve ficar preso embaixo do sofá. O ideal é que, ao menos, 10 cm de tapete esteja embaixo do sofá. E também é importante que ele tenha, ao menos 30 cm a mais que a medida total de seu sofá, deixando sobrar 15 cm nas laterais. Ou caso ele esteja encostado na parede em uma das laterais, deixe sobrar 15 cm na lateral que está exposta.

7r3qyhgrur7g3le9xyq0wayd4

9 – Para a sala de jantar, o correto é que a medida do tapete seja suficiente para manter as cadeiras sobre ele, mesmo quando alguém estiver sentado, por isso, escolha um tapete que tenha a medida da mesa + 60cm de cada lado. E prefira tapetes de fibra sintética e com pelos baixos para facilitar a limpeza.

in-house-52.jpg

10 – No quarto, você pode optar por tapetes pequenos nas laterais da cama ou um tapete grande que fique sobre a cama, o que deixa o ambiente mais elegante e aconchegante. Porém não é recomendado para locais onde durmam pessoas alérgicas por acumularem mais poeira. Neste segundo caso, o tapete deve ter 1,20m a mais do que a medida da cama para que sobrem 60cm de cada lado e também devem sobrar na frente da cama, no mínimo 60cm de tapete.

Imagem-11-quarto.jpgcama-dois-tapetes.jpg

11-  Para o banheiro, escolha um tapete emborrachados ou de tecido com fita antiderrapante embaixo.

aroeira basica_635367989989980323.jpg

 

O blog Se Fosse na Minha Casa está no Facebook, no Twitter, Instagram, Pinterest  e no tsu – coisas lindas todos os dias

Fotos: Aroeira Home, Viva Decora, Casa & Jardim, Homens da Casa, Casa Claudia, Minha Casa

 

 

Anúncios

Mostra Casa Viva, da Leroy Merlin passará por Campinas

Muito se discute sobre sustentabilidade. As pessoas, de uma certa forma, se acostumaram a certas condutas como separar o lixo, economizar água etc, mas ainda há muito mais a ser feito se queremos de verdade garantir que o planeta nos sustente por mais tempo.

E na hora de construir? Você já parou para pensar que pode ter uma casa mais sustentável tomando algumas atitudes relativamente simples? A Leroy Merlin pensou! E junto com o arquiteto Maurício Arruda e com Raquel Lopes criou, em um container, uma casa de 160 m².

unnamed.jpg

Com objetivo de fazer a sustentabilidade mais presente na vida das pessoas, a Leroy Merlin apresenta em algumas de suas lojas uma mostra gratuita itinerante, “Casa Viva”. A mostra faz parte do Programa Construir e Sustentar da rede e foi criada para informar e mostrar aos consumidores que há possibilidades de construir e reformar uma casa de maneira responsável.

Os ambientes trazem diversas alternativas responsáveis: disposições que valorizam iluminação e ventilação natural, iluminação de jardim que gera sua própria energia, cisternas para armazenar água da chuva, aquecedor solar e até lixeiras para realizar sua própria coleta seletiva.

Aliada ao conceito de “Casa de Verdade”, reforçado pela marca na campanha de marketing desse ano, a Casa Viva traz ideias práticas e executáveis, expondo a variedade de produtos disponíveis na Leroy Merlin, que oferece desde materiais para construção, até itens de decoração e acabamento para este segmento.

Além disso, cada ambiente da Casa Viva enaltece uma região do Brasil, com particularidades inspiradoras em tecidos, estampas, peças de artesanato e utilitários clássicos do dia a dia brasileiro, unindo sustentabilidade e cultura nacional em um mesmo espaço.

Programa Construir e Sustentar

 

O Programa Construir e Sustentar da Leroy Merlin tem por objetivo desenvolver um dos principais pilares da rede, a sustentabilidade. Por meio dele, a Leroy Merlin tem desenvolvido diversas ações e projetos que buscam desde a sensibilização de seus colaboradores e Clientes ao consumo consciente, através da venda de produtos responsáveis, até ações de responsabilidade social em benefício de comunidades e instituições sociais locais, assim como a construção de lojas Certificadas AQUA, que garantem a Alta Qualidade Ambiental do edifício através do reaproveitamento e economia de recursos naturais durante sua construção e funcionamento.

A exposição já está aberta ao público, desde 9 de julho, em São Paulo , na unidade Tamboré e também passará por Campinas Dom Pedro, Brasília Sul, Rio Barra e São Leopoldo (RS).

Em Campinas estará aberta ao público no período de 17 de agosto a 13 de setembro. Imperdível!!

O blog Se Fosse na Minha Casa está no Facebook, no Twitter, Instagram, Pinterest  e no tsu – coisas lindas todos os dias

Foto: Thiago Almeida

 

 

Campinas Decor 2016 – vale super a pena a visita

A mais importante mostra de arquitetura, design  e decoração de Campinas e região teve início no dia 13 de maio. Mas, o tornado que causou um rastro de destruição na cidade no dia 5 de junho fez estragos enormes nos ambientes, principalmente nos externos, fazendo com que a mostra fosse suspensa até que estivesse novamente em condições de ser aberta ao público.

Reaberta no dia 24 de junho, a Campinas Decor ficará aberta até o dia 24 de julho, no Lago do Café e está um arraso.  São 52 ambientes criados por 73 profissionais, trazendo as principais tendências da área. Se você ainda não foi, eu te convido: vale super a pena!

Na sequência selecionei os ambientes que mais gostei, já que não dava para publicar todos, né?

Living Leblon – Fernando Consoni06 -  LIVING LEBLON.jpg

Adega e Escada – Liliane Bigaram e Bruna Fernanda7 - ADEGA E ESCADA.jpg

Sala de Almoço – Mariela Klann Fonteyne13 - SALA DE ALMOÇO.jpg

Sala da Família – Andrea Barroso16 - SALA DA FAMILIA 01.jpg

Quarto da Gêmea Bailarina – Christine Di Domenico, Gisele Gonçalves e Juliana Pires

20 - QUARTO DA GEMEA BAILARINA 01.jpg

Loft da Praia – Nilza Alves e Rita Diniz 30 - LOFT DA PRAIA.jpg

Refúgio no Campo – Maycon Flamarion e Thiago Soares37 - REFUGIO DO CAMPO.jpg

Studio NY – Beto Tozzi38 - STUDIO NY01.jpg

O blog Se Fosse na Minha Casa está no Facebook, no Twitter, Instagram, Pinterest  e no tsu – coisas lindas todos os dias

Fotos: Campinas Decor (Divulgação)

Decoração à prova dos bichinhos

Eu tenho 4 gatos. Sim, sei que é bastante, mas tenho, amo, são da família e pronto! Agora, se tem uma coisa que eu sei é que ter animais em casa exige uma preocupação maior na hora de decorar. É preciso pensar em móveis, tecidos, tapetes e etc que sobrevivam aos hábitos dos seus bichos.

boxer-no-sofá.jpg

Gato, por exemplo, adora afiar as unhas em móveis de tecido, cachorros podem fazer xixi no tapete, enfim, são preocupações que não podem ser ignoradas. Quando vou fazer algum projeto e o cliente tem animais eu tomo alguns cuidados para que a decoração sobreviva e que o animal também tenha seu espaço e hábitos respeitados.

10-sinais-dizem-que-seu-gato-ama-voce_06.jpg

Então, neste post vou dar algumas dicas bacanas sobre isso:

Tecidos – sofás, poltronas, cadeiras etc – é preciso ter cuidado na hora de escolher os tecidos. Quanto mais aberta a trama, mais as unhas dos gatos e até de cachorros podem enroscar, puxar o fio e a peça já era. Ou seja, o mais indicado é escolher tecidos com tramas bem fechadas, os mais indicados são os tecidos impermeabilizados, como o Acquablock, mas pouca gente gosta do toque dele para sofás e poltronas, já que é um tecido mais duro. A outra alternativa seria o Suede ou Ultrasuede.

848c02d41308f589f9d7da23a788b5c0.jpg

Este tecido além de ter sua trama muito fechada, tem no seu processo de fabricação, um desgaste natural, que o torna já desfiado por natureza. Por sua trama ser bem fechada, as unhas dos gatos tem muita dificuldade de penetração, o que torna o tecido pouco atraente para os gatos. Também é interessante que sofás e poltronas sejam impermeabilizados, pois assim os tecidos poderão ser mais facilmente limpos. Mantas e capas também são uma boa opção, pois são fáceis de serem lavadas.

Capas-para-Sofas

mantas-para-sofá-decor-blog-to-her-8

Tapetes – se você não abre mão deles, mesmo com os animais dentro de casa, uma boa opção são os tapetes Belgas, de trama bem fechada, fininhos, sem pelos soltos e bem fininhos, aquecem o ambiente, mas são fáceis de limpar, podem ser lavados facilmente e sua secagem é muito rápida.

tapeteparasala_topic.jpg

Xixi – Reserve uma parte da área de serviço ou da varanda para uso do animal. A sugestão é separar esse espaço para ser o “banheiro” do seu cão ou do gato. Lembre-se de limpar diariamente. A maioria dos animais tem bons hábitos de higiene e e não gosta de usar lugares sujos. O ideal é usar tapetinhos descartáveis higiênicos para os cachorros e caixinhas de areia para gatos.

caixa-areia-gatos-felinos.jpg

Plantas decorativas também podem ser tóxicas – Os veterinários explicam que os gatos ingerem plantas com menor freqüência do que os cães e que eles têm o hábito de buscarem na natureza alívios para seus incômodos de saúde e por isso ingerem algumas plantas que lhes fazem bem, mas também podem se enganar ou sofrerem reações alérgicas ou ferimentos ao brincarem com plantas tóxicas.

Ant_rio.jpg

Todas as plantas da listagem abaixo são tóxicas também para os seres humanos portanto, se as tiver em casa, ensine as crianças e adultos sobre seus perigos. Estas são as principais: Antúrio, Azaleia, Babosa, Banana-de-macaco, Bico-de-papagaio, Comigo-ninguém-pode, Copo-de-leite, Coroa-de-cristo, Costela-de-adão, Dedaleira, Erva-moura, Espirradeira, Folha-da-fortuna, Hera, Hortênsia, Lírio, Lírio-da-paz, Lírio-do-vale, Maconha, Mamona ou mamoneira.

Piso – Os de madeira não são uma opção a ser descartada, mas animais de grande porte podem arranhar o chão com facilidade. Já materiais porosos como mármore e pedras naturais não são indicados. A saliva dos animais pode manchá-los. A melhor opção é a cerâmica, difícil de arranhar, fácil de limpar e perfeita para os animaizinhos se refrescarem no calor.

32c808978e6ab83d277b7350265014e5

Paredes – Usar tinta de acabamento acetinado e lavável para as paredes é uma boa opção, assim como escolher uma cor e evitar a parede branca, pois rapidamente aparecerão manchas nas paredes e batentes, afinal quem tem cachorro sabe que eles gostam de lamber, morder e brincar contra as paredes.

3.jpeg

Limpeza – Como algumas raças de cães e gatos, soltam muito pelo, usar o aspirador com frequência e os rolinhos que tiram pelos de tecidos podem ser uma boa solução. para a limpeza de pisos, evite produtos com cheiro muito forte, pois podem causar reações alérgicas. Na maioria das pet shops existem produtos específicos que limpam e acabam com cheiro de urina e fezes. Neste post aqui também tem algumas dicas legais de misturinhas que não farão mal ao seu animalzinho e ajudarão a limpar a casa sem deixar cheiro nenhum.

 

O blog Se Fosse na Minha Casa está no Facebook, no Twitter, Instagram, Pinterest  e no tsu – coisas lindas todos os dias

Fotos:Westwig, Uol, Minha Casa, M de Mulher

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Quem bate? É o frio! Hora de preparar a casa

Eu adoro o friozinho, não precisa ser aquele invernos rigoroso (que na verdade, não temos, né?), ma temperaturas em torno de 18 e 22 graus me deixam feliz. E neste período dá mais vontade de ficar em casa, de curtir a família. Por isso, também é muito legal deixar a casa mais aconchegante.

Não é preciso mudar a decoração, gastar um monte de dinheiro, apenas ter alguns cuidados que vão deixar nossas casa mais gostosinhas. Vamos ver?

Tapetes – Principalmente se você tem piso frio, no inverno, eles aquecem ambientes e dão sensação de conforto e aconchego.

de-nylon-o-tapete-java-custa-r-55350-o-m-na-avanti-wwwavantitapetescombr-precos-pesquisados-em-junho-de-2012-e-sujeitos-a-alteracoes-1340986658825_615x470.jpgpinterest-sofa-cinza-sala-de-estar-almofadas-estampas

Cobertores, Mantas e Edredons – Além de escolher peças que aqueçam e seja confortáveis, fique atenta às cores e estampas para que se encaixem na decoração – a manta ou edredom bacana podem muito bem substituir a colcha, por exemplo.

113301045_1GG.jpgDecoração-interiores-Tons-terrosos-p1-2.jpg113036384_2GG.jpg

inverno-delicioso-05.jpg

Mantas na sala – Para assistir TV na sala ou bater papo, a manta também faz toda a diferença. Existem peças menores já pensadas para ficarem em uma poltrona ou no canto do sofá. Vale a mesma regra dos cobertores, escolha cores e padrões que vão combinar com a sua sala e deixe o espaço ainda mais bonito.

8.inverno.png

inverno-delicioso-02.jpginverno-delicioso-08.jpgminhacasaminhacara

Velas – Não exatamente aquecem, mas criam um clima mais gostoso e intimista. Invista nelas, elas mudam o clima de um ambiente.

como usar velas para decorar sua casa2.jpg

vela3.jpg

 Cuidado com ácaros e mofo é essencial – Esquentar os ambientes não é a única preocupação que se deve ter em mente. Para manter o calor dentro de casa, é comum deixar janelas e portas fechadas por mais tempo, o que acaba ajudando na proliferação de ácaros. Fique atenta também aos armários muito fechados que podem deixar roupas, cobertores e mantas mofados e causar alergias e outras doenças.

Chazinhos, chocolate quente, sopas, vinhos – A comida e bebida também mudam para aquecer o corpo e a alma. É hora de procurar novas receitas, combinar vinhos, aproveitar o clima propício.

download

decantador-de-vinho.jpgsopa-de-abobora-e-queijo.jpg

O blog Se Fosse na Minha Casa está no Facebook, no Twitter, Instagram e no Pinterest – coisas lindas todos os dias

Imagens: Pinterest, Westwing, Americanas.com, Shoptime, TudoGostoso

 

 

Lavanderia pequena, apertada, mas lindinha!

Nesta postagem eu mostrei que é possível disfarçar as lavanderia conjugadas às cozinhas. Porém, quem não acha necessário escondê-las pode muito bem deixá-las exibidas, porém já que vão ficar  à vista, que tal deixá-las mais bonitinhas, organizadas e arrumadas?

Hoje, vou dar algumas dicas para ter uma lavanderia bacananinha, mesmo que ela tenha medidas bem compactas. E quando se fala em medidas compactas, temos que levar em consideração que muitas delas são apenas um tanque e uma parede com e entrada e saída de água para a lavadora de roupas.

Se você puder encomendar um projetinho a um designer de interiores e fazer móveis planejados, com certeza terá um ótimo aproveitamento de espaço, mas se não der, fique atenta a estas dicas para tornar o ambiente mais útil.

1 – Se o espaço permitir, uma boa opção é criar uma bancada de granito ou mármore, onde o tanque ficaria embutido e, se a lavadora tiver abertura frontal, pode ficar sob a bancada garantindo um maior aproveitamento do espaço. Esta bancada por ser usada para passar roupas ou mesmo, para apoiar cestos com produtos de limpeza ou outros itens necessários.

images (1)

04-areas-de-servico-pequenas-organizadas

Lavanderia.1-apartamento-leitora-1.jpg

2 – Para a parte de baixo da bancada, você pode encomendar um armário e esconder os itens de limpeza que não precisam fica à vista. Na parede superior do tanque, você pode pendurar um varal próprio para apartamento ou colocar um armário suspenso ou um nicho ou prateleiras. Estas peças ajudam a manter tudo em ordem. A dica é que se for um nicho aberto ou prateleiras é importante manter tudo organizado, sem bagunça. Também fica bem legal usar cestos plásticos coloridos para manter a arrumação e decorar também.

DSC_0078.jpg

Pequena-Lavanderia-de-Apartamento.jpg

19-areas-de-servico-pequenas-organizadaslavanderia-marcenaria-1.png

LAVANDERIA (15).JPG

3 – É fundamental ter um cesto para as roupas sujas e, se possível um cesto para as roupas a serem passadas. Você pode optar por ter dois cestos no espaço ou se a metragem e o orçamento permitirem, encomendar a um marceneiro um armário com os cestos embutidos.

d32d03e63965377d3e9e2ec94b9681bc

_DSC0722 (1).jpg

lavanderia-organizada.jpg

4 – Se sua lavanderia é muito pequena, use cestos dobráveis feitos de tecido e com puxadores de metal para armazenar roupas sujas ou as que precisam ser passadas. Eles são uma boa opção, pois podem ser guardadas dentro dos armários quando não usados.

-font-b-Dirty-b-font-Clothes-font-b-Laundry-b-font-font-b-Basket-b.jpgHTB1lChZFVXXXXaPXpXXq6xXFXXXKTecido-Oxford-lavanderia-cesto-de-roupa-suja-cesto-de-roupa-suja-cesta-grande-dobrar-roupa-suja.jpg

5 – Tábuas de passar roupas retráteis também são  indicadas, pois elas ocupam pouco espaço.

gaveta-para-mesa-de-passar

6 – Produtos de limpeza, rodos, vassouras e escadas dobráveis devem ser guardados em armários estreitos e altos.

lavanderia armario porta rodos e vassouras.jpg

 

7 – Aspiradores de pó, baldes, bacias e objetos de médio porte devem ser guardados em armários mais profundos.

d00a8047dbaa2b99eb5273581d32fb49

8 – Escolha varais próprios para espaços pequenos. Eles ficam recolhidos quando não estão sendo usados e minimizam a bagunça.

varal-de-teto-individual.jpg

Varal-para-apartamento-imagem-7.jpg

 

9 – Reserve um espaço com varal de cabides para acomodar roupas previamente secas ou já passadas, antes de serem guardadas nos armários.

116136ccd0acd48f18f8586106cf87a6.jpg

16-cinco-lavanderias-bonitas-organizadas.jpg

10 – Use cor, vasinhos com flores, tapetes alegres e até quadrinhos e adesivos de parede se o espaço permitir, assim o ambiente ficará mais alegre e coordenado com a decoração da casa. A lavanderia não deve ser um ambiente esquecido ou de bagunça. Capriche!

02-areas-de-servico-pequenas-organizadas.jpeg

images

16-areas-de-servico-pequenas-organizadas.jpeg

O blog Se Fosse na Minha Casa está no Facebook, no Twitter, Instagram e no Pinterest – coisas lindas todos os dias

 Imagens:Minha Casa, Casa&Jardim, KD, Rossi

 

 

Organize-se: A importância de planejar o cardápio da semana

Muita gente acredita que organizar é algo que dá trabalho. Não dá! Depois que você se acostuma tudo fica mais fácil.

Eu, como boa parte das mulheres, trabalho cerca de 12 horas por dia (sou designer de interiores e jornalista) e como sou autônoma, não tenho horário fixo, às vezes saio de casa muito cedo e só volto à noite. Tenho dois filhos, uma de 21 anos e um de 9, cuido da casa sem nenhuma ajuda, não tenho empregada ou faxineira e fiz esta opçõa para economizar e poder administrar melhor minha casa. Por isso, sei como é importante manter uma rotina bem organizada para que tudo funcione super bem.

Além de tentar manter a casa sempre em ordem (sou virginiana), cuidar das roupas e da rotina dos filhos, ainda tem a comida de todo santo dia. E eu considero essa a parte mais chata, porque não é só cozinhar, é planejar, fazer compras, pensar nas combinações, naquilo que os filhos gostam, enfim, cansativo!

Por isso, acredito que criar um cardápio semanal é a melhor solução, como fazer?

– O ideal é usar tudo o que tem em casa para não ter desperdício e fazer economia.

– Aproveite as promoções dos supermercados para agendar suas compras, geralmente eles têm um dia de sacolão, um dia de carnes etc e acompanhe tudo pelos jornaizinhos que são distribuídos – vale, por exemplo, comprar mais ovos em uma semana se o preço estiver realmente bom e planejar receitas com eles para economizar

– Compre apenas aquilo que você e sua família consumam mesmo, nada de comprar por impulso e depois jogar fora. É claro que você pode e deve experimentar coisas novas, mas nestes casos compre sempre em pequenas quantidades.

– Aproveite os produtos da estação: frutas e legumes ficam mais baratos e estão mais frescos.

– Pense na refeição completa: arroz, feijão ou massa, saladas, carne e demais acompanhamentos.

– Uma coisa que faço em casa e que ajuda muito é deixar boa parte dos pratos pré-prontos. No final de semana, tiro um tempo (levo cerca de 2 horas e meia) e deixo as folhas das saladas lavadas, os legumes cozidos, feijão, soja, tudo pronto. Assim, durante a semana a correria é bem menor.

– Neste final de semana, cozinhei feijão e congelei em porções. Também cozinhei e congelei soja e mandioca. A banana, que estava mais pra lá do que pra cá, também foi congelada em rodelas e vai servir pra fazer bolos, vitaminas ou smoothies (zero desperdício!)

Feijão pro mês todo

13092131_1008737775880792_3530673360003732198_n

 

Mandioca, soja e banana congeladas

13062199_1008737752547461_9031523966691709723_n.jpg

– Também cozinhei e separei em potinhos: cenoura, vagem, mandioquinha, chuchu, abobrinha italiana, espinafre e beringela (com esta já deixe a saladinha pronta). E, para ter mais opções, assei duas tortas, uma de espinafre e outra de palmito e também cozinhei carne de panela e já congelei em porções. Com isso, boa parte do cardápio da semana já está pronta.

Mandioquinha, vagem, chuchu, espinafre, cenoura, abobrinha italiana, pepino e beringela em salada)

13015422_1008737715880798_6150988175942405432_n.jpg

Tortas de Palmito e Espinafre

13087540_1008737699214133_7342895938196339424_n

– Além da praticidade e de ter opções saudáveis para as refeições, você ganha tempo, faz sujeira e bagunça de uma só vez e economiza gás, pois ao invés de assar uma torta, por exemplo, você assa duas ou três, com o mesmo consumo de gás. Eu acho que vale super a pena!

– É claro que aqui em casa também entra comida e congelados industrializados, já que tem horas que só a pizza salva e eu também acho super válido comprar certas coisas prontas, como: pão de queijo para assar, batatas pré-fritas (que aqui em casa vão pro forno), tortas e pizzas pré-assadas, seleta de legumes e brócolis congelados etc. O importante é estar com o freezer, a geladeira e a despensa abastecidos de acordo com o cardápio da semana que você planejou, não tem nada pior que ir preparar uma receita e descobrir que não tem o que precisa.

Freezer organizadinho

13076533_1008737652547471_3071505661573001609_n.jpg

-Tenha muitos potinhos com tampa (tipo tupperware) e saquinhos próprios para congelamento. Para tortas, uma coisa que pretendo adotar é comprar aquelas assadeiras descartáveis, de papel alumínio – facilitam muito!

-Cozinhe os legumes “al dente”, além de menor desperdício de nutrientes, na hora de finalizá-los em alguma receita, não ficarão cozidos demais. Carne de panela, eu congelo apenas com o caldo, depois na hora de servir, acrescento batatas ou outro legume, por exemplo.

Carne de panela

13062305_1008737672547469_7953655398602037854_n.jpg

O blog Se Fosse na Minha Casa está no Facebook, no Twitter, Instagram e no Pinterest – coisas lindas todos os dias

Imagens: Claudia Medeiros