Decoração à prova dos bichinhos

Eu tenho 4 gatos. Sim, sei que é bastante, mas tenho, amo, são da família e pronto! Agora, se tem uma coisa que eu sei é que ter animais em casa exige uma preocupação maior na hora de decorar. É preciso pensar em móveis, tecidos, tapetes e etc que sobrevivam aos hábitos dos seus bichos.

boxer-no-sofá.jpg

Gato, por exemplo, adora afiar as unhas em móveis de tecido, cachorros podem fazer xixi no tapete, enfim, são preocupações que não podem ser ignoradas. Quando vou fazer algum projeto e o cliente tem animais eu tomo alguns cuidados para que a decoração sobreviva e que o animal também tenha seu espaço e hábitos respeitados.

10-sinais-dizem-que-seu-gato-ama-voce_06.jpg

Então, neste post vou dar algumas dicas bacanas sobre isso:

Tecidos – sofás, poltronas, cadeiras etc – é preciso ter cuidado na hora de escolher os tecidos. Quanto mais aberta a trama, mais as unhas dos gatos e até de cachorros podem enroscar, puxar o fio e a peça já era. Ou seja, o mais indicado é escolher tecidos com tramas bem fechadas, os mais indicados são os tecidos impermeabilizados, como o Acquablock, mas pouca gente gosta do toque dele para sofás e poltronas, já que é um tecido mais duro. A outra alternativa seria o Suede ou Ultrasuede.

848c02d41308f589f9d7da23a788b5c0.jpg

Este tecido além de ter sua trama muito fechada, tem no seu processo de fabricação, um desgaste natural, que o torna já desfiado por natureza. Por sua trama ser bem fechada, as unhas dos gatos tem muita dificuldade de penetração, o que torna o tecido pouco atraente para os gatos. Também é interessante que sofás e poltronas sejam impermeabilizados, pois assim os tecidos poderão ser mais facilmente limpos. Mantas e capas também são uma boa opção, pois são fáceis de serem lavadas.

Capas-para-Sofas

mantas-para-sofá-decor-blog-to-her-8

Tapetes – se você não abre mão deles, mesmo com os animais dentro de casa, uma boa opção são os tapetes Belgas, de trama bem fechada, fininhos, sem pelos soltos e bem fininhos, aquecem o ambiente, mas são fáceis de limpar, podem ser lavados facilmente e sua secagem é muito rápida.

tapeteparasala_topic.jpg

Xixi – Reserve uma parte da área de serviço ou da varanda para uso do animal. A sugestão é separar esse espaço para ser o “banheiro” do seu cão ou do gato. Lembre-se de limpar diariamente. A maioria dos animais tem bons hábitos de higiene e e não gosta de usar lugares sujos. O ideal é usar tapetinhos descartáveis higiênicos para os cachorros e caixinhas de areia para gatos.

caixa-areia-gatos-felinos.jpg

Plantas decorativas também podem ser tóxicas – Os veterinários explicam que os gatos ingerem plantas com menor freqüência do que os cães e que eles têm o hábito de buscarem na natureza alívios para seus incômodos de saúde e por isso ingerem algumas plantas que lhes fazem bem, mas também podem se enganar ou sofrerem reações alérgicas ou ferimentos ao brincarem com plantas tóxicas.

Ant_rio.jpg

Todas as plantas da listagem abaixo são tóxicas também para os seres humanos portanto, se as tiver em casa, ensine as crianças e adultos sobre seus perigos. Estas são as principais: Antúrio, Azaleia, Babosa, Banana-de-macaco, Bico-de-papagaio, Comigo-ninguém-pode, Copo-de-leite, Coroa-de-cristo, Costela-de-adão, Dedaleira, Erva-moura, Espirradeira, Folha-da-fortuna, Hera, Hortênsia, Lírio, Lírio-da-paz, Lírio-do-vale, Maconha, Mamona ou mamoneira.

Piso – Os de madeira não são uma opção a ser descartada, mas animais de grande porte podem arranhar o chão com facilidade. Já materiais porosos como mármore e pedras naturais não são indicados. A saliva dos animais pode manchá-los. A melhor opção é a cerâmica, difícil de arranhar, fácil de limpar e perfeita para os animaizinhos se refrescarem no calor.

32c808978e6ab83d277b7350265014e5

Paredes – Usar tinta de acabamento acetinado e lavável para as paredes é uma boa opção, assim como escolher uma cor e evitar a parede branca, pois rapidamente aparecerão manchas nas paredes e batentes, afinal quem tem cachorro sabe que eles gostam de lamber, morder e brincar contra as paredes.

3.jpeg

Limpeza – Como algumas raças de cães e gatos, soltam muito pelo, usar o aspirador com frequência e os rolinhos que tiram pelos de tecidos podem ser uma boa solução. para a limpeza de pisos, evite produtos com cheiro muito forte, pois podem causar reações alérgicas. Na maioria das pet shops existem produtos específicos que limpam e acabam com cheiro de urina e fezes. Neste post aqui também tem algumas dicas legais de misturinhas que não farão mal ao seu animalzinho e ajudarão a limpar a casa sem deixar cheiro nenhum.

 

O blog Se Fosse na Minha Casa está no Facebook, no Twitter, Instagram, Pinterest  e no tsu – coisas lindas todos os dias

Fotos:Westwig, Uol, Minha Casa, M de Mulher

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s