Arte faz bem pros olhos e pra alma

Sempre gostei de arte, mas de forma completamente leiga, gostava do que achava bonito, sem nenhum conhecimento de estilo, época, nada. Dentro do curso de Design de Interiores, tivemo a disciplina História da Arte, que pra mim foi a melhor de todas, tive a sorte de ter um professor fenomenal, daqueles que além de ter estudado tudo sobre arte, viajou pra todos os cantos do mundo, pra conhecer museus e lugares onde se respira arte.

As aulas eram tão boas que eu chegava a ficar emocionada com as estórias que o professor Francisco contava. Bem, é óbvio que em apenas um semestre não me tornei uma expert no assunto, mas o curso em abriu os olhos para uma porção de coisas e me despertou o interesse para pesquisar e saber mais.

Por que estou contando tudo isso? Porque às vezes, pensamos que arte é algo só pra quem tem dinheiro, pra quem viaja pelo mundo afora, mas não é bem assim. Dinheiro é bom e todo mundo gosta, mas é possível conhecer um pouco do assunto, visitando mostras e museus em nossas cidades, pricipalmente se você mora nas capitais.

Há dois finais de semana atrás, estive no MASP, com minha família e amigos, visitando a exposição Roma e fiquei simplesmente encantada com o alto nível da mostra, que expôs mais de 300 objetos, estátuas de mármore e outras peças originais do Império Romano, coisa do século I a.C.

Você tem ideia do que é isso? É simplesmente maravilhoso. As estátuas em mármore dos grandes imperadores me deixaram de boca aberta, imagine o que era esculpir o mármore naquela época, sem as ferramentas e a tecnologia que temos hoje. Mas, o que mais me surpreendeu e emocionou foram os fragmentos das paredes da cidade de Pompéia, que foi soterrada pelo vulcão Vesúvio, no ano 79 d.C. Foi incrível poder ver ao vivo o “vermelho pompéia” e a noção de tridimensionalidade que aquele povo tinha há tantos anos.

A exposição vai até o dia 22 de abril, no MASP e a entrada custa 15 reais (7,50 para estudantes) E de quebra, você pode visitar as outras exposições do museu, além do acervo permanente do MASP, que tem obras originais de Monet (meu preferido!), Manet, Rembrandt, Matisse, Salvado Dali, Gauguin, Degas, Renoir e tantos outros. Vale muito a pena fazer este passeio! Vá e me conte!

Ah, e perdoe o texto gigante, jornalista adora escrever!rss

Olha eu aí, com meus filhos Luíza e Pedro Henrique e amigos:

Roma, a Vida e os Imperadores:

Julio Cesar:

Cícero

paredes de Pompéia

paredes de Pompéia

Augusto

Esta foto não é minha, mas esta pintura famosíssima de Rembrandt está lá no MASP, incrível, né?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s